O jogo do passado sábado, entre os seniores do Maia Basket/Escape Forte e o Eléctrico FC teve muitos momentos interessantes. As 20 assistências da equipa, que revelam o trabalho de equipa; o parcial de 24-14 no segundo período, que indica capacidade defensiva e ofensiva; a elevada percentagem de 2 pontos (70%) da nossa equipa, a quantidade de pontos marcados (98) e a vitória em si mesmo, que demonstra competência; a elevada presença de atletas Minis no jogo, que é um sinal do interesse no mesmo; ou o momento, que em situações normais seria o ponto alto do jogo, em que o atleta David Gomes regressa ao jogo, depois de ter uma entorse, que demonstra um notável espírito de sacrifício pela equipa. Contudo, nenhuma destas situações foi, para nós, o momento do jogo.

 

Curiosamente o momento do jogo, ocorreu depois do jogo terminar.

Terminado o jogo, a equipa reuniu-se junto à bancada, com os seus apoiantes incondicionais e, depois, quando o treinador estava a caminho do banco ao lado do atleta David Gomes e lhe perguntava como estava o pé, eis que acontece inesperada e subitamente o momento do jogo.

A conversa entre os dois foi interrompida, ambos olharam a esquerda e para baixo e um atleta Mini 10, o Afonso, começa a falar com o David Gomes, dizendo-lhe:

“A minha mãe é médica, se quiseres uma segunda opinião ela pode ver-te.”

Olharam-se mutuamente e o David sorriu, como que se a dor tivesse desaparecido.

 

E este foi o momento do jogo. Por ter sido inesperado, surpreendente e por genuinamente demonstrar capacidade de iniciativa, preocupação e interesse com os outros, vontade de contribuir positivamente, disponibilizando recursos (no caso, os conhecimentos da mãe) e apoio a quem se encontrava numa situação difícil.

 

O Maia Basket é o maior clube de basquetebol em Portugal, pelo menos em termos de número de atletas. Todos, sejam atletas, pais, simpatizantes, dirigentes, treinadores, seccionistas, (…), possuem recursos e se, tal como o Afonso, tivermos a iniciativa de disponibilizar os nossos recursos, então a tarefa de todos será mais fácil e, no final, serão mais aqueles que ficarão satisfeitos, por terem contribuído para a construção de algo importante e significativo.

 

Parabéns e Obrigado Afonso!